RAYA – Não é não (Clipe Oficial) – On Festival

veja mais sobre o trabalho do candidato

galeria de imagens

material do projeto

Raya é uma cantora que traz em sua própria trajetória as marcas de violências que infelizmente são comuns às mulheres. Após a traumática experiência de um relacionamento abusivo, com violência física e psicológica, decidiu transformar seu sofrimento em arte e foi por meio da música que encontrou o terreno mais favorável para libertar o grito entalado. O dela própria e de inúmeras outras mulheres.rnÉ sabido que o Espírito Santo registra, em média, 42 casos de violência contra a mulher diariamente.rn(Fonte: Folha Vitória). Somente em 2018, das 93 mulheres assassinadas no Espírito Santo, 33 foram vítimas de feminicídio, ou seja, mais de um terço das mulheres mortas no último ano morreram apenas por serem mulheres. Por isso, a necessidade de se expressar através de canções autorais com letras que relatam experiências e críticas sobre os traços fortes do patriarcado e seus efeitos na sociedade. Como forma de denúncia, manifesto e celebração da mulher livre.rnA cantora entende a importância de orientar e chamar atenção das autoridades públicas através da música e da cultura em geral e a necessidade de diminuir a disparidade de gêneros, principalmente na música, onde a mulher ainda tem pouco espaço de ocupação. Seu trabalho autoral é a manifestação de uma urgência. É necessário dar voz e vez a artistas capixabas mulheres e contribuir com o protagonismornfeminino na música.Mesmo que, nos últimos anos, temas como esses estão sendo abordados com mais frequência, é possível constatar que ainda há pouca discussão sobre casos como assédio sexual e outros tipos de violência contra as mulheres nas mídias, escolas e outros espaços. A mulher não está totalmente livre de julgamentos por suas escolhas, pelo seu corpo e modo de pensar. Por isso, artistas como a RAYA, utilizam do seu local de fala para sensibilizar seu público sobre questões como essas, tão relevantes para a sociedade.

A cantora e compositora RAYA pretende contribuir com seu talento e trabalho de forma cultural para a difusão da música no estado do Espírito Santo, principalmente em bairros em situação de vulnerabilidade e trazer mais protagonismo feminino para a área musical. Além disso, pretende -se levar música, cultura e tornar relevante temas como : corpo livre, empoderamento, disparidade de gênero, assédio sexual e violência contra a mulher. Por fim, fazer com que o resultado do trabalho alcance um número significativo de pessoas dentro e fora do Espírito Santo para que mais mulheres possam se inspirar em ter a coragem de realizar seus trabalho em diversas esferas culturais e ter a oportunidade assim como a RAYA, em transformar a dor em arte e a opressão em ferramenta de denúncia e manifestação.

o que motiva RAYANNE CARRARA?

RAYA é cantora e compositora que traz em sua própria trajetória as marcas de violências que são infelizmente comuns às mulheres. Após a traumática experiência de um relacionamento abusivo, decidiu transformar seu sofrimento em arte e foi por meio da música que encontrou o terreno mais favorável para libertar o grito entalado. O dela própria e de inúmeras outras mulheres. Suas composições relatam experiências e críticas sobre os traços fortes do patriarcado e seus efeitos na sociedade.

cota ouro

cota prata

cota bronze